Carla Pires inicia a  carreira artística em 1993 e, até 2002, ano em que o Fado começa a cimentar a sua forma de vida, vai participando em projectos musicais e de representação: grava bandas sonoras para as telenovelas: “Roseira Brava”, “Primeiro Amor”, “Ana e os Sete”; em 1996 obtém o 1º lugar no Festival de Salónica (Grécia), organizado pelas Sociedades de Autores da Europa em representação da SPA, com o tema “Canção do Vento e da Terra”, de José Manuel Coelho; participa como actriz e cantora no Musical Amália, de Filipe La Féria e em telenovelas.

Em 2002 grava com o Quinteto Amália, o CD “O Fado em Concerto”, com direcção musical de José Marinho e entre 2000 e 2005 desempenha o papel de Amália “jovem”, no Musical ”Amália”. Começa assim a base para outros convites na área do Fado e o início da sua carreira a solo.

Em 2005 foi convidada a representar Portugal na Expo Mundial do Japão. Grava o primeiro disco a solo para a Ocarina, “Ilha do meu Fado”. Alguns temas deste CD integram diversas colectâneas nacionais e estrangeiras.

A sua afirmação enquanto Fadista acontece em 2008, ano que realizou uma tourné em França com 10 concertos, e actuou na Argélia, Áustria e Espanha.

Os concertos internacionais têm sido constantes na sua carreira, com destaque para o Concerto de abertura de um dos maiores festivais da Europa (Flanders International Festival-Gent) e a actuação em Março de 2012 na Babel Med Music em Marselha, a segunda maior feira de world music da Europa.

O seu último disco, “Rota das Paixões” foi lançando em Portugal em 2011 e editado internacionalmente pela Harmonia Mundi no ano seguinte.

O ano de 2014 começa com uma nova experiência. A convite do consagrado coreógrafo Vasco Wellenkamp, Carla Pires faz uma tournée com 42 datas pela Holanda com o espectáculo Fado Ritual e Sombras. Uma coprodução com bailarinos da Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo e da Internacional Danstheater de Amesterdão, sobre Fado com música ao vivo. Paralelamente apresenta o seu concerto a solo “Rota das Paixões” por França, Suíça, Espanha, Holanda, Uruguai, Argentina, Áustria e Angola.

Março e Abril de 2015 – Carla Pires actuou na Ópera de Graz, no espetáculo de dança contemporânea “MALAMBO”. Esta trilogia integrou o projecto “Fado, Ritual e Sombras” com  coreografia de Vasco Wellencamp para a Oper Graz Tanzkompanie. Carla Pires é a voz desta bela obra do coreógrafo. Nos nove espetáculos (esgotados) que tiveram lugar na Ópera de Graz, Carla Pires foi  acompanhada pelos seus três músicos e pela Grazer Philharmoniche Orchester.

CONCERTOS

Para além de Portugal, Carla Pires já realizou concertos e digressões na França, Espanha, Suécia, Noruega, Dinamarca, Inglaterra, Grécia, Itália, Turquia, Bélgica, Holanda, Áustria, Suíça, Alemanha, Japão, Argélia, Brasil, Argentina, Uruguai, Angola.

Salas

Théâtre de la Ville(Paris)|Ópera de Graz (9 espetáculos) | Ópera de Gent (2 concertos)|Queen Elizabeth Hall (Londres) |Södra Teatern e Kulturhuset (Estocolmo)|De La Mar Theater e Concertgbow(Amesterdão)|Rasa (Utreque)|Schowburg Roterdamse(Roterdão)| Cirque d’Hiver (Paris) | Oharu  Auditorium (Expo Mundial-Japão 2005)| Théâtre de Verdure (Argel)| Abadia de Sylvanès e Église de Notre Dame de la Gloriette-Caen (França) | Centre Universitaire Méditerranean(Nice), Museu Histórico Nacional (Rio de Janeiro) com Pedro Jóia, Coliseo Carlos III (Madrid), Treatro Solís(Montevideu), Studio Samsung(Buenos Aires), Spittelberg Theater(Viena de Áustria).

 

Festivais

Festival d’Ile de France (Paris) | Womist Festival(Istambul) | Festival d’Ambronay(FR) |Festival Parfums de Musique (L’Haye-les-Roses) | Les Joutes Musicales du Printemps (Correns) | Festival Côté Cour (Aix-en-Provence)  | Festival Moz’aïque (Le Havre) | Flanders International Festival (Gent) | Festival Convivência (Toulouse) Festival Nuits d´Été (Aix-en-Provence)| Festival International de Guitarra de Friburgo(Suíça) | U Settembrinu di Tavagna (Córsega) | Festival Vox Musica (Poitiers) |Festival des Musiques de l’Âme (Toulouse)|Jeudis Musicaux des Églises Romanes (Royan) | Eskisehier Festival (Turquia) | Bidassoa Folk Festival (Irun) | Festival Sete Sóis Sete Luas |Festa do   Avante (PT) |Festival de Fado – Fundación Rei Afonso Henriques (Zamora)| Atlantic Waves (Londres) |Festival Internacional Casa de Mateus (Vila Real-PT).

 

Digressões

 

Apresentação do filme ‘Fados’ de Carlos Saura, em França [Saint-Palais -Sur –Mer | Tonnay  Boutonne| Île de Ré |Marennes |  St Savinien |  Saint Pierre d’Oléron | St Georges de Didonne | Fouras | Calais |Rennes].

 

Com Stockholm Lisboa Project:

Flensburg(Avesta-DE); Malmö; Kristianstad; Uppsala; Glöte; Ås;Östersund; Marieefred; Tobo(Suécia); Steinkjer(Noruega), Tivoli (Copenhaga)

 

Com António Zambujo:

Ulsteinvik (Noruega), Lund (Stadteatern), Estocolmo(Kulturhuset), Amesterdão (Concertgbow), Utreque (Rasa)

Com ‘Fado, Ritual e Sombras’ (Holanda2014):

De La Mar Theater(Amsterdam); Theater de Muze (Noordwijk); Zaantheater (Zaandam); Schouwburg Middelburg (Middelburg); Schouwburg Velsen(Velsen); Speelhuis (Helmond); Rotterdamse Schouwburg (Roterdam); Doelenzaal (Amsterdam); Schouwburg de Kring (Roosendaal); Schouwburg De Maagd (Bergen op Zoom); Parktheater (Eindhoven); Rabotheater (Hengelo); Doelenzaal(Amsterdam); Chasse (Breda); Lux Theater (Nijmegen); Schowburg De Meerse (Hoofddorp); Schowburg Arnhem; Theater aan de Parade(Den Bosch),. Openluchttheather Cabrera(Bloemendaal); Openluchttheather Vondelpark(Amsterdam); Theater Maitland (Driebergen).

Destaques 

FADO, RITUAL e SOMBRAS, em que Carla Pires é a voz foi distinguido com o  Dance Audience Award 2014 (Danspublieksprijs)  para o melhor espetáculo na Holanda.

Showcase na Babel Med Music, Marseilles ( 30 Março 2012)

Concerto na Expo Mundial do Japão, em representação de Portugal.(22 Maio 2005)

1º Prémio no Festival de Salónica (Grécia 1996), organizado pelas Sociedades de Autores Europeias. Carla Pires representou a SPA com o tema “Canção do Vento e da Terra” de José Manuel Coelho.